Envelope:

É o balão propriamente dito, confeccionado em tecido de nylon rip-stop resinado e reforçado, muito leve e super resistente. o tecido tem a particularidade de não propagar a chama e, devido a forma de sua trama e costura, impede a continuidade de um eventual rasgo.

São utilizadas Cintas de nylon nas costuras entre os painéis e as mesmas unem-se a cabos de aço na "boca" do balão.

A "boca" do balão é confeccionada em NOMEX®, um tecido que não pega fogo.

       

Envelopes comuns: 1800m3 a 3000m3 (1 a 5 tripulantes)

 

Balões Turísticos até 35000m3

 

 

Cesto:

Confeccionado em vime, que possui notável flexibilidade e resistência, trançado sobre um quadro de aço inoxidável.

Cabos de aço percorrem sua estrutura e cruzam por baixo do cesto. todas as arestas  e cabos são protegidos por espesso couro.

 

Maçarico:

É o responsável pelo aquecimento interno do balão. Sua chama chega a medir mais de 5 metros.

 

Cilindros de combustível:

O combustível utilizado é o gás propano.

normalmente usam-se quatro cilindros p20 no cesto, suficientes para cerca de 1:30 Horas de vôo, dependendo da temperatura ambiente e peso no cesto, podendo alcançar 2:30 horas em dias frios.

 P20 - comporta 20 Kg de propano - Utilizado nos vôos.

 P45 - comporta 45 Kg de propano - Utilizado para reabastecer os P20 ( refil ).

 

Ventilador:

Utilizado na inflagem do balão a frio (motor a gasolina).

 

Outros:

outros equipamentos são necessários para garantir maior segurança ao vôo.

             

 

voltar